Dando asas à informação

10 criaturas normalmente desagradáveis que filmes e desenhos tornaram fofas

Em uma situação normal, você sairia correndo de baratas, ratos e insetos em geral. Claro que alguns desses animais têm um fama pior do que realmente deveria ser, mas não podemos evitar de sentir medo ou nojo, não? Só que nem sempre. Alguns filmes de animação e outros desenhos nos fizeram desfrutar de criaturas que, em outro caso, não iríamos querer nem ver na nossa frente.

1 – Ratos em “Ratatouille”

Os gênios da Pixar conseguiram fazer de Ratatouille um filme incrível. O que é mais impressionante é o fato de que nos fez esquecer que normalmente fazemos de tudo para matar os ratos que entram na nossa casa. Não só o rato Remy é bonitinho e adorável, como também cozinha alimentos para seres humanos sem fazer o público estremecer de nojo. Com certeza a demanda por ratos de estimação aumentou após o lançamento de Ratatouille.

2 – Fantasmas em “Gasparzinho, o fantasminha camarada”

Todo tipo de filme de terror usa fantasmas para tentar assustar as pessoas até o último fio de cabelo, mas não há nada de assustador sobre esse garotinho fantasma inocente e amigável. A história é tão doce e à prova de crianças que, em algumas versões, Gasparzinho nem sequer morreu. Seus pais já eram fantasmas quando se casaram e deram à luz a ele, então ele nunca realmente morreu.

3 – Aranhas em “A Menina e o Porquinho”

Enquanto na realidade, as aranhas fazem com que a maioria de nós saia correndo para agarrar algo para esmagá-las, nos esquecemos todos os nossos preconceitos nesse filme e nos apaixonamos pela fofa aranha enquanto ela ajuda o porquinho Wilbur com sua sabedoria.

4 – Gambás em “Looney Tunes”

Ele pode cheirar mal, mas Pepe Le Pew ou Pepe Le Gambá é um verdadeiro romântico. E, embora algumas de suas ações sejam assustadoras, contanto que você não seja o gato que ele está atrás, não tem como, você vai achá-lo encantador.

5 – Cães mortos em “A Noiva Cadáver”

Esse talvez seja o melhor item da lista. Nenhum de nós gosta de ver um cão sequer machucado, quem dirá morto. Mas, em A Noiva Cadáver, não sentimos a necessidade de derramar uma lágrima por Scraps, o cão esqueleto, simplesmente porque percebemos que os cães ainda são extremamente fofos mesmo na vida após a morte.

6 – Lagartas em “Vida de Inseto”

Lagartas não são exatamente bonitas, apesar de representarem um incrível processo de transformação da natureza. Mas no filme Vida de Inseto, no entanto, a lagarta Heimlich nos conquista mesmo antes de se tornar, em suas palavras, “uma linda borboleta”.

7 – Formigas em “Vida de inseto”

As formigas não nos causam tanto nojo, mas também nunca as achamos fofas. Pixar nos faz pensar duas vezes antes de esmagar uma formiga novamente, graças as cores vivas e proporções mais bonitas com que desenharam Dot, que é super fofa!

8 – Ogros em “Shrek”

Apesar de ogros não serem reais, também nunca aparecem como criaturas bonitas na ficção. E, enquanto você pode hesitar em chamar o Shrek de “bonito” no início, ele facilmente nos conquista e mostra que a capacidade de atração muitas vezes vem do interior.

9 – Baratas em “Wall-E”

Pixar conseguiu atingir um marco inexplicável de novo. Em um filme sobre um robô, sua companheira barata rouba o show em um momento que cutuca a cabeça para fora de um doce, parecendo mais fofa do que qualquer ursinho de pelúcia.

10 – Cobras em “Kung Fu Panda”

Quem ficaria de boa com uma cobra por perto? No entanto, a letalidade de Viper em Kung Fu Panda não ameaça as crianças que assistem o filme, que, em vez de fugir, torcem para ela conforme a cobra luta ao lado de Po e o resto dos animais mestres.[Listverse]

Um comentário

  1. Em Brasilia tem criaturas piores,,,,

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>