Dando asas à informação

10 animais perigosamente mortais

Todos os tipos de animais podem ser considerados perigosos. De animais descobertos recentemente a antigos conhecidos matadores, confira uma lista com bichos especialmente e surpreendentemente mortais:

10. Boomslang

10

Boomslang é uma cobra encontrada principalmente na região sul-africana. Como você pode ver na foto acima, suas presas são grandes. Combinadas com seus olhos particularmente eficazes (elas têm uma visão melhor do que a maioria das cobras, talvez tão boa quanto a de um ser humano), essa cobra se torna especialmente mortal.

Serpentes não costumam ter boa visão. Boomslang quebra essa tendência de uma forma significativa, já que é conhecida por pegar pássaros no ar. Um ser humano não teria chance de escapar de uma mordida. No entanto, essa cobra geralmente não nos ataca, mas pode o fazer se se sentir ameaçada. Muitas são verdes e marrons, por isso se misturam bem com o ambiente arborizado em que vivem.

Boomslangs contêm um veneno que, quando injetado, pode matar em poucas horas. A pessoa literalmente sangra de dentro para fora, por todos os buracos do corpo (orelhas, olhos e pênis/vagina, etc). A parte pior é que o único lugar na África do Sul que tem o antiveneno é Johanesburgo. Então, se você estiver longe, pode morrer antes de ser tratado. O tempo médio para o veneno matar é de apenas duas horas. Quanto menor você for, mais rápido ele agirá. E quanto mais você esperar, maior o risco de danos a longo prazo.

9. Caracóis do gênero Conus

9

Os caracóis do gênero Conus são daqueles animais que ninguém pensa que é perigoso, mas definitivamente é. Normalmente, ninguém percebe que está lidando com um até já ter pego sua bela concha na mão. Não é uma boa ideia. O arpão do caracol acaba grudando na pessoa, e o que acontece a seguir depende do animalzinho.

Cada um tem um veneno diferente. Os mais mortais têm uma neurotoxina que paralisa temporariamente. Em seguida, seu corpo começa a desligar. Você também pode desenvolver problemas respiratórios graves.

Eles também podem ter algo chamado de conotoxina. Não há cura, uma vez que o caracol a colocar em seu sistema. Às vezes, transfusões completas de sangue são necessárias para se livrar do veneno. A maneira mais fácil de sobreviver a um ataque de caracol Conus é alertar alguém o mais rápido possível através do telefone de emergência, 190. Ressuscitação cardiopulmonar também aumenta as chances de salvar a vida da pessoa.

8. Hipopótamo

8

O hipopótamo é retratado na cultura pop como um animal lento, estúpido, divertido, amoroso e pacífico. Enquanto eles geralmente são criaturas pacíficas, estes animais de 4.000 kg também são muito territoriais. Eles matam mais humanos, em média, a cada ano do que todos os animais africanos combinados ( búfalos, elefantes, leões, leopardos e rinocerontes). Esta é uma estatística importante.

Este animal tem o potencial de matar a qualquer momento. Guias turísticos que trabalham perto desse bicho conhecem os sinais de que um hipopótamo está irritado com eles. No entanto, novatos não percebem, e essas são as pessoas que morrem.

Hipopótamos querem ficar em paz no seu espaço. Ou seja, não o incomode nem invada seu território. Ele não sabe nadar, mas quando persegue alguém, basicamente corre debaixo d’água, podendo se mover em torno de 8 quilômetros por hora. Isso pode ser mais rápido do que você pensa. Eles também não se cansam fácil, então é melhor você estar em forma para conseguir fugir de um. Se ele te alcançar, você vai morrer – não há dúvida. É raro quando o hipopótamo para cedo. Ele quer se certificar de que você está morto, para que você não volte.

A melhor coisa a se fazer é observá-lo a partir de uma distância segura. Assim, o hipopótamo não o verá como um problema. Quanto mais perto você chegar, mais perto estará da morte.

7. Sapo-flecha-de-veneno

7

Esses sapos venenosos são conhecidos por suas belas cores, mas são muito nocivos. Eles têm esse nome porque eram usados por tribos para fazer flechas venenosas.

Nem todos os sapos dessa família (Dendrobatidae) matam seres humanos com seu veneno. Apenas três são mortais. Normalmente, eles não matam a partir de um simples toque, mas você pode se sentir muito mal, principalmente porque o veneno geralmente não vai para seu sangue quando você o toca, mas para sua pele.

A pele age como um filtro entre o veneno e o sangue, assim, você tem uma chance de não morrer.

Zoológicos mantêm esses sapos em suas próprias gaiolas especiais. Se especialistas em animais não os tocam, você também não deveria.

6. Cobra-do-mar-pelágio

6

A cobra-do-mar-pelágio é uma das mais belas e mortais cobras do mundo. É normalmente encontrada no mar e caça o dia todo, de modo que você tem muitas chances de se deparar com ela.

Ela geralmente não ataca seres humanos, a menos que você chegue muito perto. Mas, se te picar, não só seu veneno é letal, como causa muita dor. Diz-se que uma gota pode matar três homens adultos.

A toxina basicamente ataca o sistema respiratório, e você pode ter paralisia. O veneno ataca todos os músculos também. Você mal pode se mover, enquanto sofre de muita dor. Você vai acabar enfrentando as dores mesmo com um antiveneno em seu sistema, não importa o quão rápido você o tome.

Ressuscitação cardiopulmonar (RCP) é essencial para se manter vivo. Algumas pessoas mencionam que, mesmo depois de meses depois de serem salvas do veneno dessa cobra, ainda tinham dores musculares graves.

5. Polvo-de-anéis-azuis

5

O polvo-de-anéis-azuis é um animal lindo. No entanto, não queira observá-lo de perto – você estará em apuros se não manter uma distância segura. Seu veneno contém tetrodotoxina, 5-hidroxitriptamina, hialuronidase, tiramina, histamina, triptamina, octopamine, taurina, acetilcolina e dopamina.

Você pode reconhecer algumas dessas substâncias em medicamentos, como a dopamina. Mas dentro deste animal, os efeitos de tudo isso combinado podem ser cruéis. Não há nenhum antiveneno.

A única maneira de sobreviver é através da imediata RCP. A vítima desenvolverá paralisia no prazo de 5 minutos. Então, grite socorro e ligue 190 antes disso. A maioria das pessoas morre de parada cardíaca ou falta de oxigênio para o cérebro, causando asfixia. Você também pode sofrer de cegueira permanente ou paralisia permanente, se ajuda não chegar logo.

4. Pitohui dichrous

4

Um dos únicos pássaros venenosos no reino animal, a família Pitohui de aves pode ser letal. O Pitohui dichrous, um dos mais famosos, recebeu o apelido de “veneno voador”.

Esse pássaro tem um veneno com o mesmo efeito que o dos sapos da família Dendrobatidae, e é o veneno mais nocivo conhecido para a humanidade. Um estudo feito em ratos mostrou que leva apenas alguns minutos para veneno se introduzir e matar a presa. Mas, graças aos céus, normalmente não somos afetados por este animal.

Como seu veneno tem que acertar a corrente sanguínea, se isso não acontecer, podemos sobreviver, mas alguns efeitos colaterais podem ainda ocorrer, como dormência (geralmente onde o veneno foi despachado), formigamento ou espirros.
Paralisia e morte podem ocorrer se o pássaro liberar veneno o suficiente, o que é raro. De qualquer maneira, é uma boa ideia ter cuidado se você vai para Papua Nova Guiné, a área nativa desta ave.

3. Leiurus quinquestriatus

3

Essa espécie de escorpião é muito perigosa. Muitos acham que ele se parece com um brinquedo por causa de sua bela coloração amarela. Por isso, nunca realmente se destaca como uma ameaça grande para as crianças. Isto pode resultar em uma picada – com veneno letal.

Sua picada é conhecida por ser extremamente dolorosa. Muitos dizem que é a pior picada ou mordida de todos os animais. Alguns entram em choque como resultado. Além disso, seu veneno pode cortar vias aéreas. De acordo com especialistas, pode demorar tão pouco quanto algumas horas para alguém morrer. Pessoas já relataram dores nas articulações e de cabeça por vários meses após a picada.

Este animal é geralmente encontrado em Israel e ama areia.

2. Peixe-balão

2

Pouco se sabe sobre ele, mas o engraçado baiacu ou peixe-balão é mais mortal depois de morto do que vivo.
O peixe é considerado uma iguaria em muitas partes do mundo. No entanto, se não for corretamente preparado (com a remoção de seu veneno), comê-lo pode matar uma pessoa. Normalmente, seu veneno pode fechar as vias respiratórias, o que, obviamente, pode ser um problema.

Os seus venenos são saxitoxina e tetrodotoxina, ambos letais. Tetrodotoxina pode causar rápida taxa cardíaca, paralisia muscular, diminuição na pressão sanguínea, entorpecimento ou formigueiro. Muitas vezes, os sintomas podem sumir em poucas horas ou dias, mas tratamento médico imediato é necessário.

Os humanos não têm muitos problemas em matar o baiacu. Já outros animais preferem ficar longe, até mesmo predadores de topo, como o tubarão. As farpas do peixe tornam difícil de matá-lo, bem como o fato de que ele se expande. A maioria sabe que ele carrega veneno, o que também ajuda os animais a procurar outra coisa pra comer. Tudo somado, este peixe não é legal de se mexer. Por que as pessoas arriscam comê-lo é um mistério.

1. Taturana assassina

1

Infelizmente para nós, esse bicho mortal é frequentemente encontrado no Brasil. Já sabíamos de sua existência por um tempo, mas só recentemente descobrimos que ele é extremamente venenoso. Nos últimos 20 anos, tem causado cerca de 300 envenenamentos, resultando em morte ou hospitalização a longo prazo. Quando cientistas brasileiros souberam disso, rapidamente prepararam um antiveneno.

A taturana faz você sangrar e impede a coagulação. Seu corpo incha devido a “hematomas” feitos no seu sangue. Você sentirá dor por um tempo, ficará sensível, e seu sangue não funcionará bem, causando problemas graves.

O veneno também ataca células humanas. Mais especificamente, as células de proteína, impedindo-as de coagular. Isso praticamente acaba com as plaquetas. Devido a tudo isso, você começa a sangrar internamente, por todos os órgãos, o que, eventualmente, leva a morte cerebral. Você sangrará externamente, também.

Tudo isso acontece imediatamente quando o veneno entra no seu corpo. Normalmente, para fazer dano suficiente para matá-lo, a taturana teria que picar-lhe 20 a 100 vezes. O engraçado é que a maioria das pessoas pode ser picada muitas vezes sem perceber, pisando no bicho ou colocando a mão em uma árvore onde ele está (o animal se mistura bem o ambiente).

Os cientistas ainda não sabem se algo mudou na biologia da taturana, uma vez que ataques não eram registrados há milênios, até que um grande número ocorreu apenas na área brasileira. Algo fez com que ela percebesse o seu poder, e está rapidamente se tornando um dos animais mais mortais do mundo.[Oddee]

Um comentário

  1. Comment

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *