Dando asas à informação

10 fobias muito bizarras

Acho que podemos dizer que todo mundo sofre de alguma fobia, afinal, é difícil não ter medo de nada. Mas, enquanto alguns possuem um medo irracional de coisas mais comuns, como altura ou aranhas, outros têm fobias bem mais bizarras. Confira:

10. Agirofobia

10
Agirofobia é o medo de atravessar ruas, estradas e outras vias, ou um medo de estradas em si. Isto, naturalmente, torna muito difícil viver confortavelmente em uma cidade. A palavra vem do grego “gyrus”, que significa transformar ou girar, já que a fobia evita o turbilhão do tráfego. Esse medo abrange várias categorias, onde sofredores podem ter medo de estradas especificamente largas até ruas suburbanas de pista simples, e pode também incluir temer andarilhos ou atravessar uma rua em qualquer lugar, até mesmo um cruzamento. Esta fobia é considerada independente do medo de carros.

9. Mageirocofobia

9
O medo bizarro de cozinhar é chamado de mageirocofobia e vem da palavra grega “mageirokos”, que significa uma pessoa especializada em culinária. Esse distúrbio pode ser debilitante e potencialmente levar a uma alimentação não saudável quando se vive sozinho. Os que sofrem da condição podem se sentir extremamente intimidados por pessoas com habilidades na cozinha, e esta intimidação e sentimento de inadequação é, provavelmente, a causa do transtorno para muitos.

8. Pediofobia

8
Pediofobia é o medo irracional de bonecas. Não apenas bonecas assustadoras – todas as bonecas. Estritamente falando, o medo é um horror de uma “falsa representação de seres sencientes”, por isso também inclui geralmente robôs e manequins, o que faz com que seja decididamente difícil ir às compras. Esta fobia não deve ser confundida com pedofobia ou pediafobia, que é o medo de crianças. Sigmund Freud acreditava que a doença surgia de um medo da boneca vir à vida, e Masahiro Mori expandiu essa teoria, afirmando que quanto mais humano algo se torna, mais repelentes seus aspectos não humanos parecem.

7. Deipnofobia

7
Algumas conversas de jantar podem ser muito estranhas, mas algumas pessoas são tão aterrorizadas com a ideia de ter que falar com outra pessoa durante o jantar (deipnofobia) que evitam a situação ao máximo. Em tempos idos, havia regras rígidas de etiqueta que ajudavam uma pessoa a lidar com estas circunstâncias. Na sociedade de hoje, em que as regras e formalidades estão mudadas, é possível que a natureza mais controlada de um jantar possa estar, em parte, por trás dessa fobia.

6. Eisoptrofobia

6
Eisoptrofobia é um medo de espelhos em um sentido amplo, ou mais especificamente o medo de ser colocado em contato com o mundo espiritual através de um espelho. Sofredores experimentam ansiedade, mesmo que percebam que seu medo é irracional. Como a fobia muitas vezes é baseada em superstições, sofredores podem se preocupar em quebrar um espelho e ter azar, por exemplo.

5. Demonofobia

5
Demonofobia é um medo anormal e persistente de seres sobrenaturais malignos por pessoas que acreditam que eles existem. Alguns até entendem que seu medo é excessivo ou irracional. No entanto, tornam-se ansiosos quando se fala de demônios, quando se aventuram sozinho em uma floresta ou casa escura, ou ao assistir filmes sobre possessão demoníaca e exorcismo.

4. Penterofobia

4
Penterofobia é o medo da sogra. A maioria das pessoas casadas, em um momento ou outro, já sofreu deste terrível medo, tão comum na sociedade ocidental que frequentemente aparece em filmes e outras formas de entretenimento. Das muitas terapias disponíveis para esta condição, o divórcio parece ser a mais popular. Uma fobia relacionada a penterofobia é a novercafobia, que é o medo da madrasta.

3. Araquibutirofobia

3
Esse é o medo de que alguma comida pastosa (como manteiga de amendoim) ou casca (de pipoca, amendoim, entre outras peles fininhas) grude no céu da boca e na gengiva. O araquibutirófobo é aterrorizado pelo medo de comer esses alimentos. O bom dessa fobia é que é fácil de evitá-la, diferentemente de algumas outras nessa lista.

2. Catisofobia

2
Catisofobia é um terror de sentar-se. Esta doença pode ser desencadeada por um caso particularmente desagradável de hemorroidas, mas, em alguns mais graves, pode ser devido a abusos físicos relativos a sentar-se em objetos pontiagudos ou dolorosos. Às vezes, o medo de sentar é devido a alguma punição dos dias de escola, ou pode ser uma indicação de alguma outra fobia, como estar sentado na frente de pessoas de elite ou influentes. A fobia é caracterizada por transpiração pesada, respiração curta e ansiedade.

1. Automatonofobia

1
Eu acho que todos nós podemos ver o mérito desta doença. O ventriloquismo pode mesmo ser assustador, em qualquer situação, já que se trata de um homem com a mão na bunda de um boneco que fala sozinho. Quem sofre de automatonofobia geralmente tem medo (talvez não irracional) dos bonecos dos ventríloquos. [Listverse]

Um comentário

  1. Pior de tudo da Automatonofobia, é que quem controla o boneco, está com a mão atolada na bunda, até o cotovelo

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *