Dando asas à informação

3 sinais de que é hora de largar seu emprego

Você está descontente? Não sabe se isso tem a ver com uma fase de sua vida, ou se você realmente odeia seu emprego e não o aguenta mais? Ou você tem certeza de que não consegue levantar na cama para fazer isso nem um dia a mais, e está precisando de um empurrãozinho para se despedir? Veja os três sinais que indicam que você deve deixar seu emprego:

1 – Você tem valores diferentes dos da sua empresa

Se você não se identifica com os valores que a empresa para qual você trabalha representam, é melhor deixar o emprego. Por exemplo, você acha que fumar só faz mal a saúde, e não quer trabalhar para uma fabricante de cigarros ajudando a manter o vício das pessoas.

Pode ser muito estressante ter que realizar práticas que contrariam suas políticas e valores todos os dias, e pode ser pior ainda querer contrariar as políticas ou valores declarados da sua empresa. Nesse tipo de situação, chega uma hora que as pessoas não aguentam mais.

Então, sim, ter valores pessoais diferentes dos valores de uma organização é uma boa razão para se demitir. Mesmo que você tenha mudado de ideia há pouco tempo: antes não ligava, e agora percebe que não está confortável com aquilo.

Aliás, descobrir quais são os valores mais importantes para você e segui-los pode lhe dar muita satisfação no trabalho. Ao contrário de continuar trabalhando para propósitos que você não concorda.

2 – Você não gosta do seu trabalho

Muitas pessoas fazem coisas que odeiam todos os dias, mas não se demitem porque precisam do dinheiro. Entretanto, se você já não curte mais fazer o que faz e tem uma chance de dizer adeus, essa é uma razão digníssima para se demitir.

Às vezes não é preciso largar o emprego. A infelicidade no trabalho muitas vezes é um sinal de algum problema subjacente, que nem sempre tem a ver com a empresa que você trabalha. Talvez você esteja se sentindo sobrecarregado, ou seu trabalho não lhe desafia, ficou entediante demais, etc.

Se seu trabalho não é mais satisfatório, tente mudar isso. Se não há maneiras de conseguir sua satisfação novamente (ou se ela nunca existiu), considere uma mudança de emprego. É muito importante ser feliz. E como dizia um certo ditado: “Trabalhe com algo que você gosta e você nunca terá que trabalhar”.

3 – Você está cercado por comportamento irresponsável

Em uma polêmica carta de demissão, Greg Smith escreveu um manifesto pessoal quando renunciou ao cargo de diretor executivo do Goldman Sachs, um dos maiores bancos de investimento do mundo, que foi parar no jornal The New York Times. Ele dizia, entre outras coisas (tradução aproximada):

“Eu vou a reuniões onde nem um minuto é gasto fazendo perguntas sobre como podemos ajudar nossos clientes. É puramente sobre como podemos tirar o máximo de dinheiro deles”.

Ter liderança, por sua própria natureza, é ser capaz de criar uma visão e influenciar os outros para alcançar essa visão. Smith culpou a liderança de Goldman de muitos dos comportamentos negativos que o banco supostamente pratica em relação aos seus clientes.

Ele acreditava que a liderança do Goldman Sachs não estava praticando os valores da organização, e, mais ainda, não tinha integridade pessoal. Não importa se o comportamento é antiético ou simplesmente sem sentido para a longevidade da empresa – se você presenciar, em seu ambiente de trabalho, um comportamento
tóxico como esse, tem todo o direito de se demitir.

E, claro, ninguém quer (ou pelo menos ninguém deveria querer) trabalhar para alguém que está fazendo algo errado. Portanto, se sua empresa não leva a lei a sério, é corrupta, ou tem qualquer comportamento criminoso, também está na hora de pular fora desse barco – e denunciá-lo, se possível.[Mashable]

2 comentários

  1. Boa Noite, Gostei dos comentários,orientações,sugestões,etc…,Más,infelizmente, em nosso País e em alguns Estados Brasileiro,nossa realidade,não é bem assim, e infelizmente,muda todo o conceito de escolhas,satisfação…Somos obrigados p/ necessidades de sobrevivência,não temos escolhas é, pegar ou largar e o Estado, O País não oferecem outras alternativas,tais como: Reciclagem,Preparação da Mão de Obra,Treinamentos,Cursos de Aperfeiçoamentos,Novos Cursos,Qualificação,então, estamos,sempre,sujeitos e submetdos à Politicas e Politicos sem nenhum compromis so,totalmente fora da realidade,disntante das vocações dos Municípios,Estados,do Próprio País,das regiões…

    • Concordo plenamente com o que diz o José ,vivemos num pais dominado pela corrupção ,começando pelos parlamentares e representantes no Congresso e até mesmo porque não dizer , Presidência da República , acobertando seus parentes , dando-lhes oportunidades de progredirem rapidamente e sem nenhum esforço.
      No meu entender pelos meus 65 anos ,aonde vivi , outras situações , como por ex. Legalidade e Une , etc..Os nossos chamados representantes , deviam sim terem a vergonha na Cara e acabarem com esta maracutáia , voto aberto , salários dignos e não esta exorbitância que recebem e o povo devia começar um plebescito para mudar o modelo de governar o nosso País.
      Enfim , colocar tudo no paredão e passar a Lurdinha neles …

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *