Dando asas à informação

9 parques temáticos bizarros de todo o mundo

Praticamente todo mundo já foi a um parque temático. Enquanto alguns detalhes sempre mudam, geralmente significa comida porcaria, brinquedos com cores berrantes e esperar em filas intermináveis. Mas existem muitas opções de parques temáticos no mundo – algumas realmente bizarras. Confira:

1 – Alien Apex Resort – Roswell, Novo México, EUA

Há certas partes do mundo que são conhecidas por certas coisas, como Roswell – as primeiras coisas que surgem na mente de quem vai pra lá são extraterrestres e OVNIs. Crentes têm ido a Roswell por anos, esperando ter um vislumbre de um disco voador. É por isso que faz todo o sentido construir um parque de diversões com temática alienígena no meio da cidade. O Alien Apex Resort está sendo desenvolvido e, se sair do papel, deve ser um verdadeiro parque de diversões com atrações bizarras, como uma montanha-russa indoor que simula uma abdução alienígena.

2 – Terra do Drácula – Transilvânia, Romênia

A Terra do Drácula é diferente de outros parques temáticos nesta lista: ela não é bem um parque, mas uma região inteira que se transformou em uma atração turística gigante. Essa região, de forma adequada, é a casa de Drácula, e os moradores realmente abraçaram o seu lugar na ficção. Você pode passear (e se assustar com) pelos castelos e prisões que ajudaram a inspirar o famoso romance de Bram Stoker, bem como pelas terras em que o Conde da ficção fez coisas muito terríveis. Você também pode praticar snowboard, assim como no livro.

3 – República das Crianças – Manuel B. Gonnet, Argentina

As crianças adoram parques temáticos, por serem divertidos, excitantes e cheios de algodão doce. Sendo assim, os pais é que não gostam muito destas “porcarias”. É por isso que faz todo o sentido que a República das Crianças na Argentina não tenha nenhuma dessas coisas – em vez disso, se concentra em ensinar crianças sobre a ética republicana. Tudo o que elas mais querem.

A República das Crianças foi criada em 1951 pela Fundação Eva Perón, e cobre 52 hectares que apresentam o que equivale a uma cidade funcional. Com efeito, a República das Crianças é como uma versão gigante de um conselho estudantil: os funcionários são eleitos pelos estudantes locais. Registros alegam que a República foi a inspiração para a Disneylândia, embora, aparentemente, Walt tenha decidido ir para um caminho diferente.

4 – Napoleolândia – Sul de Paris, França

Se Yves Jego conseguir o que pretende, um novo parque temático francês chamado “Napoleonland” deve abrir suas portas em 2017. O parque vai homenagear Napoleão Bonaparte, com museus históricos e recriações de algumas de suas famosas batalhas, bem como um show de água e uma recriação da decapitação de Luís XVI. Há até mesmo uma proposta de atração em que os visitantes esquiam através dos corpos congelados de soldados mortos no campo de batalha.

5 – Amora – Londres, Inglaterra

Quando você visita um parque temático, geralmente sabe exatamente o que esperar. Não em Amora. Inaugurado em 2007, ele é referido como o “parque temático sexual” de Londres. Embora se descreva como um parque temático, não há montanhas-russas no Amora, nem (esperamos) personagens de desenhos animados gigantes. Em vez disso, você vai encontrar muitas exposições, estátuas e atrações interativas.

6 – Mukluk Land – Alasca, EUA

Uma das atrações da Mukluk Land é um repolho gigante. Este parque temático, construído em 1985 ao longo da estrada de Alasca, proclama-se o “destino mais exclusivo do Alasca”. Uma visita ao Mukluk irá permitir-lhe ver coleções bizarras e esquisitices exclusivas da região. Se isso não lhe agradar, você pode simplesmente partir para os arcade games ou minigolfe.

7 – Holy Land Experience – Orlando, Flórida, EUA

Orlando é praticamente sinônimo de parques temáticos, já que é a casa de Disney World, Epcot Center e Universal Studios. Um parque temático de Orlando que você nunca deve ter ouvido falar, no entanto, é o Holy Land Experience, localizado a apenas alguns passos de distância do Magic Kingdom. O Holy Land Experience serve a um propósito educacional para aqueles que desejam aprender mais sobre o Cristianismo. É também o lar de artefatos religiosos e manuscritos que estão em exibição. As principais atrações são as encenações diárias da tortura e crucificação de Jesus Cristo.

8 – Prisão de Abashiri – Hokkaido, Japão

Prisões, em geral, não são lugares que você associa com “diversão”. Os japoneses aparentemente discordam, já que transformaram uma de suas prisões mais notórias, Abashiri, em um parque temático. Prisões tornando-se atrações turísticas não é nada de novo; Alcatraz, por exemplo, é uma das atrações mais populares nos Estados Unidos. No entanto, o pessoal da Abashiri levou isso mais a sério, exibindo uma prisão uma vez famosa por suas condições infernais como um parque temático completo com guardas animatrônicos e detentos que continuam com suas rotinas diárias. Se você quiser ver prisioneiros reais fazendo a mesma coisa, a prisão construída para substituir Abashiri fica bem perto.

9 – Dwarf Empire – Kunming, China

Enquanto Amora pode ser controverso pelo seu conteúdo, o Império dos Anões (Dwarf Empire), na China, é controverso por uma razão muito diferente. É um parque temático onde mais de cem anões vivem em casas em forma de cogumelo e se apresentam para os turistas. Duas vezes por dia, os moradores se vestem com fantasias e entretém o público pagante com músicas, danças, acrobacias e outras rotinas. Visitantes são capazes de caminhar pelas casas e interagir com os anões. O parque é amplamente acusado de exploração, com muitos visitantes tendo uma sensação desconfortável sobre a experiência. Os chefes do parque são rápidos em apontar que os moradores de Dwarf Empire ganham mais do que a maioria das pessoas em Kunming.[Listverse]

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *