Dando asas à informação

Conheça a “encantadora de tubarões”, que já nadou com diversas espécies desses predadores do oceano

Ocean-Ramsey-shark-whisperer2

A maioria das pessoas nem sonharia em chegar perto de um grande tubarão branco; já a conservacionista de tubarões Ocean Ramsey adora nadar ao lado desses “predadores mortais”, pegando uma carona em seus dorsos, a fim de provar que eles não são os monstros que filmes como “Tubarão” os fizeram parecer.

Ramsey, 27 anos, ganhou o apelido de “encantadora de tubarão” depois que fotos e vídeos de seus momentos ao lado de tubarões de 5 metros se tornaram virais. O mundo está apenas descobrindo essa menina corajosa e sua causa honrosa: Ocean viaja o planeta todo nadando com diversas espécies de tubarões para convencer as pessoas de que eles não são máquinas de matar e merecem atenção dos ambientalistas.

Ocean-Ramsey-shark-whisperer-550x365

Um estudo revelou que cerca de 100 milhões de tubarões são mortos todos os anos, uma taxa de 30 a 60% além da sustentável. Estima-se que apenas alguns milhares de tubarões brancos ainda existam nos oceanos do mundo.

Até agora, Ramsey já chegou cara a cara com 32 espécies de tubarões, incluindo alguns dos considerados mais perigosos, como grandes brancos, tubarões-tigre e tubarões-touro. “Eu me sinto tão feliz que alguns dos maiores momentos da minha vida têm sido mergulhando com o grande tubarão branco”, disse. “É triste pensar que a raça humana poderia ser responsável pela extinção de animais tão vitais e bonitos”.

Ela espera que suas incríveis experiências chamem a atenção do público e sensibilizem para a situação dessas criaturas fascinantes. “É difícil expressar a incrível alegria e emoção de estar com um grande tubarão branco. Assistir o tubarão reconhecer e observar-me, enquanto eu pacífica e calmamente permito que nade sobre mim, e depois tentar que ele aceite o meu toque, permitindo-me passear pelo seu dorsal e cauda”, conta.

Tendo crescido no Havaí e em San Diego, nos EUA, Ocean Ramsey passou muito de seu tempo na água, rodeada de fauna marinha. Ela é uma mergulhadora experiente e pode prender a respiração por impressionantes cinco minutos e 45 segundos, o que, aparentemente, é mais do que suficiente para se familiarizar com algumas das criaturas mais temidas do mundo. “Há um medo instintivo, sabendo o que os animais são capazes de fazer, mas é difícil de descrever o que é estar na presença de um animal tão magnífico”, explica.

Ramsey está convencida de que filmes e a mídia (com suas notícias imprecisas sobre ataques de tubarões) fizeram com que as pessoas tivessem uma ideia errada desses animais marinhos. Ela espera que suas experiências mudem a mente das pessoas, já que só “mostrar eles simplesmente nadando ao redor sem morder ou comer qualquer coisa, como fazem provavelmente 99% das vezes, não tem sido suficiente”.

Ramsey, no entanto, não aconselha que as pessoas saltem para a água com tubarões brancos, assim como não recomendaria que alguém pulasse em um quintal com um cão estranho. “Tubarões precisam ser respeitados como animais selvagens e apreciados por seu papel como predadores no ecossistema do oceano”, disse.[OddityCentral]

2 comentários

  1. Mulher corajosa, ela merece distincao

  2. Incrível Valentia, Parabéns !

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *