Dando asas à informação

Família australiana estabelece recorde mundial com 502.165 luzes natalinas

most-Christmas-lights2-550x310

most-Christmas-lights-550x310

Falta menos de um mês para o Natal, e muitas casas já estão decoradas para as festas de fim de ano. Nenhuma, no entanto, chega aos pés da casa de uma família australiana em Canberra, que estabeleceu um novo Recorde Mundial do Guinness.

Esta não é a primeira vez que David Richards e sua família realizaram esse feito. Em 2011, eles estabeleceram um recorde após a colocação de 331.038 luzes natalinas. No ano passado, uma família de Nova York (EUA) os venceu ao exibir 346.283 luzinhas de Natal. Richards queria seu título de volta, por isso instalou 502.165 luzes esse ano – o correspondente a 50 quilômetros de fios. Eles também possuem uma rena brilhante e música alta no local dos enfeites.

David vive no subúrbio de Forrest com sua esposa Janean, seu filho de 13 anos Aidan, e as filhas Caitlin, 10, e Madelyn, 6. Levou um mês para a família colocar todas essas luzes. Eles começaram em outubro e trabalharam todo fim de semana desde então.

Felizmente, eles não tiveram que contar manualmente todas as luzinhas. Registros de entrega e faturas ajudaram com isso. Suas luzes não são voltadas apenas para o Natal, mas também devem decorar a celebração do casamento do primo de sua esposa.

Alguns dos vizinhos dos Richards não estão muito contentes com isso. Mas a maioria ama o show que eles preparam, e vem visitar a decoração de vários quilômetros de distância.

“Eu sempre amei o Natal. Ter as luzes de Natal com a comunidade visitando e compartilhando isso é um momento em que você começa a conhecer as pessoas que provavelmente deveria conhecer melhor, eu acho”, opina David.

Tantas luzes significa uma conta de energia elétrica enorme, certo? Realmente, implica em uma conta de cerca de 2.200 dólares por mês (R$ 4.400), quantia que a empresa de energia local foi generosa o suficiente para doar.

Isso porque os Richards sediam um evento beneficente aberto ao público, e os rendimentos vão para instituições de caridade que lutam contra a Síndrome da Morte Súbita Infantil. Em 2011, eles receberam 70.000 visitantes e levantaram cerca de US$ 70.000 (R$ 140.000).

Este ano, David quer alcançar o montante de US$ 90.000 (cerca de R$ 180.000). “Isso faz tudo valer a pena para mim”, explica.

Os Richards planejam defender seu recorde nos próximos anos, embora possam precisar de um gerador, se tiverem que colocar mais luzes. [OddityCentral]

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *