Dando asas à informação

Presidente Dilma disse que quer construir 900 aeroportos para incentivar a aviação regional

Pouco tempo atrás, a presidente Dilma Rousseff anunciou que o governo pretende construir quase 900 aeroportos regionais no Brasil para incentivar a aviação regional, que tem decaído cada vez mais no país.

As grandes companhias aéreas foram deixando de fazer voos regionais aos poucos porque o baixo fluxo de passageiros não era interessante comercialmente. Hoje em dia, as empresas regionais respondem por menos de 1% de todo o mercado da aviação no Brasil.

Algumas poucas empresas aéreas ainda fazem bastantes voos regionais acessíveis, como a Passaredo, por exemplo, que tem voos saindo de Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, e outras cidades, no entanto, de uma maneira geral, os preços dessas passagens são absurdos.

A região Norte, que é a mais dependente desse tipo de transporte, foi a mais prejudicada pela baixa de voos regionais. Sendo assim, o governo resolveu tomar medidas para incentivar o mercado.

Mesmo que a construção de 900 aeroportos pareça um sonho muito distante, as decisões federais já devem dar um gás no nicho regional. Entre elas, estão:

  • A liberação de R$ 7,3 bilhões para melhorar 270 aeroportos regionais;
  • A isenção de taxas pagas por empresas aéreas para utilizar aeroportos com até 1 milhão de passageiros ano (reembolso governamental);
  • O subsídio para passagens em voos considerados regionais (suposta diminuição das taxas dos voos para esses trechos).

Esses pequenos passos podem se traduzir em grandes mudanças para os consumidores, como mais opções de voos e uma baixa no preço das passagens regionais.

2 comentários

  1. Sugerimos que um dos aeroportos seja próximo da cidade de Rio Claro – SP ou mesmo nesta cidade, ou: Limeira, Araras, Piracicaba, etc.
    Campinas já tem Viracopos, então…???!!!

  2. Confirmo a inclusão do meu nome e e-mail para validar a minha sugestão :)

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *