Dando asas à informação

Smart, Mini e Cinquecento

Mini fotos

Recentemente, nova categoria de veículos surgiu no mercado brasileiro: a dos chamados “carros de imagem” que profissionais da área chamam de “carros de nicho”.

Seus carros se destacam pelo “design” diferenciado e exclusividade, que têm como público alvo pessoas de alto poder aquisitivo, uma vez que seus preços ficam acima dos R$ 50 mil.

Eles chegaram no inicio da década com a releitura do velho Fusca (New Beetle) e do PT Cruiser da Chrysler, que tem visual inspirado em veículo dos anos 30. E recentemente ganharam notoriedade com a chegada dos modelos Smart fortwo da Mercedes-Benz e do Mini Cooper do Grupo BMW e do Fiat 500 (Cinquecento), chegado diretamente da Polônia.

Supercompactos, freqüentadores das ruas europeias e amados pelas mulheres (que os chamam de “gracinha” e “fofo” para descrevê-los), eles costumavam desembarcar em nosso País apenas quando um ou outr “abonado” (endinheirado) resolvia trazê-lo, via importador independente. O PT Cruiser e o New Beetle surpreenderam os consumidores e agradaram o mercado, vendendo considerável número de unidades.

Durante o lançamento do Smart fortwo, com capacidade para transportar duas pessoas, os executivos da M-Benz justificaram sua importação, como uma solução de mobilidade urbana capaz de combinar valores subjetivos, como “design” atraente, simpatia e exclusividade, a aspectos racionais hoje em alta entre “consumidores conscientes”, como respeito ao meio ambiente, baixos consumo e emissões de poluentes e praticidade. Há também a questão da exclusividade.

O Smart é equipado com motor 1.0 turbo traseiro com três cilindros e 84 cavalos de potência; câmbio automatizado de cinco marchas. O Cinquecento (Fiat 500), é equipado com motor 1,4 litro entrega 100 hp (101 cavalos) e câmbio automatizado ou manual, de cinco marchas.

E o Mini Cooper é equipado com motor 1,6 litro aspirado de 120 cv de potência e com unidade turbinada chega a 175 cv e, pode ser adquirido com câmbio manual ou automático.

Mas apesar dos preços (Smart R$ 58.329,00; Cinquecento R$ 64.419,00 e Mini Cooper R$ 92.306,00), eles começam a ter uma presença considerável nas ruas. Só o tempo dirá se é uma exclusividade de pessoas financeiramente realizadas ou uma solução para o conturbado trânsito das grandes cidades, o tão aguardado “carro urbano” a preço acessível.

Fonte: Paraná Online

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *